Este é o Ranking de Rentabilidade de Dezembro e o último do ano de 2013, representado no gráfico abaixo (Para melhor visualização clique na imagem):

Ranking Rentabilidade Fechamento 2013

 

No Ranking de Rentabilidade deste mês tivemos quedas generalizadas na maioria das carteiras, um investidor ficou com valor zerado por falta de informação da carteira no mês como podem ver segundo a legenda que deixei no gráfico para poder explicar as marcações e um único investidor ficou positivo e foi o melhor do mês.

 

Apenas irei comentar no fechamento do Ranking os 3 melhores do ano e os 3 que erraram nos investimentos. Esse é um estudo de investimentos e não nos interessa quem está por trás da carteira mas os seus ativos e suas rentabilidades, apesar do emocional ser um forte fator no mercado de valores, não temos como medir isso de fato analisando apenas o que temos disponível.

Quero agradecer a todos os participantes e leitores que nos acompanharam e contribuíram pelo segundo ano que fazemos este estudo aqui, principalmente os que foram sempre comprometidos em entregar suas informações, os que não o fizeram sei que tiveram seus motivos e o importante é não desistir de sair da corrida dos ratos mesmo que não divulgue sua carteira.

Aos que querem participar em 2014 como escrito anteriormente basta enviar um e-mail no formulário de contato do blog manifestando a vontade de continuar (caso seja participante) ou de entrar, teremos apenas 20 vagas no máximo e o blog informado será analisado para evitarmos participantes de apenas alguns meses novamente e que atrapalham muito o objetivo desse pequeno estudo.

Aos leitores e as pessoas que participam ativamente enviando e-mails, comentando e dando sempre sua sugestão agradeço muito por ter nos acompanhado em mais um ano de existência deste blog e quero pedir desculpas por não ter melhorado como gostaria a qualidade deste espaço, no que estiver ao meu alcance farei para que melhore em 2014, mas por motivos pessoais já não tenho como destinar grande parte do tempo aqui como fazia anteriormente e se algum interessado em colaborar com artigos de qualidade (não publieditorial ou link-building) quiser fazer parte do time, basta entrar em contato!

 

 Participantes do Ranking de Rentabilidade 2013

Admiral Trust: Ações, Tesouro Direto e Fundos Imobiliários.

Além da Poupança: Ações, Tesouro Direto e Fundos Imobiliários.

Aprendiz de Investimentos: Ações, Fundos Imobiliários, Poupança.

Corey: Ações, Tesouro Direto, Fundos Imobiliários, CDB, Poupança, Imóveis.

Di Finance: Ações e Fundos Imobiliários.

Eike Rico: Ações, Tesouro Direto, Poupança.

Estagiário Investidor: Ações, Tesouro Direto, Fundos Imobiliários.

FinanCity: Ações, ETF, Tesouro Direto, CDB.

General Investidor: Ações, Tesouro Direto, Fundos Imobiliários.

Geração 65: Ações.

Holding Scott: Ações, Tesouro Direto, Fundos Imobiliários, Empréstimo.

Investidor Alternativo: Ações, Tesouro Direto, CDB, Fundos Imobiliários.

Método Grifo: Ações.

O Idiota: Ações, Tesouro Direto, Fundos Imobiliários.

Primeiro Bilhão: Ações, Contratos mini dólar.

Trabalhar Pra Si Mesmo: Ações.

 

Ranking de Rentabilidade Mensal:

 

1º Lugar do Mês:  Primeiro Bilhão (+1,56%)

 

2º Lugar do Mês:  Holding Scott (-0,15%)

 

3º Lugar do Mês:  Investidor Alternativo (-0,50%)

 

 

Ranking de Rentabilidade Anual (Os Melhores):

 

1º Lugar do Ano:  Holding Scott

  • Rentabilidade Bruta de 15,14%

Metade da carteira está emprestada e o pagamento é cobrado com 4% de juros ao mês, uma taxa que poucos conseguem em ativos, isso com certeza foi o maior trunfo nesta carteira que possui também uma boa diversificação entre ações de empresas fortes e conhecidas na Bolsa de Valores, algumas com resultados ruins, porém com baixa exposição nestas o que proporcionou maior rendimento. A outra parte da carteira fica distrubuída entre Tesouro Direto e fundos imobiliários, ativos que durante o ano oscilaram bastante e pelo que notei a carteira de fundos deste investidor permite um bom retorno em rendimentos, já os títulos estão alocados entre IPCA e Selic, pré-fixados na maioria que sofreram bastante com as mudanças na taxa Selic em 2013.

Achei realmente impressionante o aumento de duas ações em particular nesta carteira EZTC3 com valorização de 187,5% e GRND3 com valorização de 148,9%!

Para fins de estudo R$ 10.000,00 aplicados uma única vez nessa estratégia teriam rendido em um ano: R$ 1.514,00.

 

2º Lugar do Ano: Investidor Alternativo

  • Rentabilidade Bruta de 12,31%

Se despedindo do Ranking de Rentabilidade este investidor deixou sua marca, como o 2º melhor resultado dos participantes deste estudo em 2013, agora irá atualizar a cada três meses sua carteira e espero que continue com essa disciplina, parabéns!

No resumo que ele mesmo fez em seu blog é demonstrado uma valorização incrível (incluindo dividendos) de 30% nos investimentos em ações somente em 2013, nos títulos do Tesouro Direto 4,95% e nos fundos imobiliários uma desvalorização infelizmente de -23,63%… Essa carteira é curiosa de analisar pois é de fato baseada na análise fundamentalista, desconsiderando liquidez ele foca em fundamentos e melhor ainda, olhando com tudo para o longo prazo e comprando aos poucos e sempre, esse cara vai bem longe e tenho orgulho de poder acompanhar sua caminhada 🙂

Para fins de estudo R$ 10.000,00 aplicados uma única vez nessa estratégia teriam rendido em um ano: R$ 1.231,00.

 

3º Lugar do Ano: Geração 65

  • Rentabilidade Bruta de 8,01%

No ano de 2012 o investidor e blogueiro Geração 65 foi o primeiro colocado no Ranking de Rentabilidade e mais um fato interessante é que o Holding Scott, primeiro colocado de 2013, foi o terceiro colocado no ano de 2012! Inverteram as posições em 2013 e mesmo assim mantiveram rendimentos muito superiores ao Ibovespa e também a inflação, provaram que possuem estratégias muito bem feitas.

A carteira deste é composta por ações na sua totalidade, ações estas de empresas sólidas e de quatro setores diversos, essa carteira bem enxuta possui apenas cinco ações: BBAS3, CIEL3, TBL3, CCRO3 e ABEV3. Essas empresas tiveram um excelente ano, são reconhecidas pelo mercado e não devem apresentar muitas surpresas negativas, segue a risca a análise fundamentalista e pagam gordos dividendos, uma carteira vencedora e que alguns podem considerar arriscada pela baixa alocação em ações.

Para fins de estudo R$ 10.000,00 aplicados uma única vez nessa estratégia teriam rendido em um ano: R$ 801,00.

 

Ranking de Rentabilidade Anual (Os Erros):

 

16º Lugar do Ano: Di Finance

  • Rentabilidade Bruta de -16,48%

A carteira deste investidor é praticamente toda alocada em ações e apenas um fundo imobiliário que é o XPCM11. O ano de 2013 não foi bom para essa carteira pelo fato das operações com termo mal sucedidas, se não fosse isso fica claro que poderia ter obtido um resultado muito melhor, não tem muito o que discutir sobre isso, as ações que a compõe são de fato boas empresas e com bons fundamentos, no entanto algumas estratégias são mais arriscadas e sabemos disso, o importante é não ficar tentando arrumar o erro fazendo o mesmo erro várias vezes, pois a loucura é fazer a mesma coisa várias vezes esperando resultados diferentes. Foi a única carteira que perdeu para o Ibovespa dentre os participantes do Ranking de Rentabilidade.

Para fins de estudo R$ 10.000,00 aplicados uma única vez nessa estratégia teriam desvalorizado em um ano: – R$1.648,00.

 

15º Lugar do Ano: Admiral Trust

  • Rentabilidade Bruta de -10,91%

A carteira destes investidores não foi atualizada em Dezembro, mas pelo que notamos até Novembro foi uma estratégia que não foi a ideal para 2013 pelo menos. Ações desta carteira que mais desvalorizaram daria o foco em: BDLL4, RSID3, OIBR4, VALE 5 e PETR4, são na maioria ações especulativas, não vi em várias delas motivos no âmbito fundamentalista para a compra da maioria, talvez por gráficos que não é o meu forte tenham feito as escolhas, não vi nada muito profundo sobre a explicação das escolhas destes investidores.

Também possuem pequena participação em fundos imobiliários que estavam entre os mais negociados de 2013 como BCFF11B, MXRF11  e HTMX11B, nessa categoria como todos os demais sofreram, a Selic alta tira boa parte dos FII de jogo, pois a renda fixa fica bem mais atraente na rentabilidade e com a vantagem da segurança mais ainda, fazendo com que os FII tenham seus preços descontados. No Tesouro Direto a participação foi em títulos pré-fixados e que também tiveram uma boa perda no valor devido aos aumentos da Selic.

Para fins de estudo R$ 10.000,00 aplicados uma única vez nessa estratégia teriam desvalorizado em um ano: – R$ 1.091,00.

 

14º Lugar do Ano: Estagiário

  • Rentabilidade Bruta de -3,81%

Essa estratégia não diria que foi errada, apenas não obteve uma boa rentabilidade, mas como muitos. Na verdade esse investidor só está aqui no 14º lugar porque outros em situação muito pior desistiram de publicar suas carteiras… Essa carteira para o longo prazo tem uma boa estrutura, com aportes e disciplina sei que terá um bom futuro, pois ficou bem acima do Ibovespa no acumulado do ano e este ano como podem notar foi bem pior que 2012, baseado na média da rentabilidade dos investidores.

Nesta carteira existem 3 ações: BBAS3, CRUZ3 e GETI3, todas ações de empresas fortes e com bons fundamentos, talvez o que não permitiu um bom desempenho foram os fundos imobiliários que aparecem nessa estratégia através das cotas do BCFF11B e FEXC11B, ambos fundos de papéis, sendo que o primeiro é um fundo de fundos, logo está diversificando em vários fundos imobiliários e já proporciona uma alocação ampla no setor e também sujeito a grande desvalorização em fatos que afetem os fundos imobiliários em geral, como especulações de bolha imobiliária e melhora nas opções em renda fixa.

Para fins de estudo R$ 10.000,00 aplicados uma única vez nessa estratégia teriam desvalorizado em um ano: – R$ 381,00.

 

Obs.: Em Fevereiro se inicia o novo Ranking de Rentabilidade que será conduzido durante 2014 e a todos que pediram para participar peço que atualizem seus blogs em até 3 dias após o final do mês vigente de Janeiro. 

 

 Invista em você!