A LCI (Letra de Crédito Imobiliário) é um investimento classificado como renda fixa e é isento de Imposto de Renda para Pessoas Físicas e possui prazo de vencimento para a aplicação. Está na mesma linha de investimento que a LCA.

LCI

O que é LCI?

A LCI é um título de renda fixa emitido por um banco e lastreado por empréstimos imobiliários. Os títulos podem ter rentabilidade prefixada que permite ao investidor saber exatamente quanto receberá no término da aplicação ou pós-fixada que fornece um retorno de acordo com as taxas de juros do mercado.
Explicando melhor a LCI pós-fixada é quando o investidor recebe um percentual do CDI (Certificado de Depósito Interbancário) acordado com a instituição que emitiu o título. O CDI costuma oscilar bem próximo à Selic (Taxa Básica de Juros). Já as LCI prefixadas são muito mais simples, o investidor já sabe no momento da aplicação qual será seu rendimento, não importa o quanto mude a taxa CDI.

Vantagens da LCI

  1. Garantia pelo FGC (Fundo Garantidor de Crédito) em até 250 mil reais;
  2. Isenção de IR (Imposto de Renda) para Pessoa Física;
  3. Previsibilidade de investimento, sem surpresas;

Desvantagens da LCI

1. Crédito

A LCI tem o risco de crédito que é quando banco que emitiu o título não tem como honrar os compromissos e assim o investidor perde o que aplicou. No entanto, com o fato deste investimento ser garantido pelo FGC em até R$ 250 mil reais, o investidor pode diminuir essa desvantagem respeitando esse limite.

2. Liquidez

A liquidez é a principal desvantagem da LCI, já que o título só pode ser resgatado no vencimento, que é o término do prazo contratado da LCI, e o dinheiro não poderá ser movimentado até essa data. Caso a data de vencimento da LCI seja em dia não útil, o crédito será lançado no primeiro dia útil subsequente.
Em alguns bancos é possível solicitar o resgate antecipado da LCI após um prazo de 60 dias, verifique essas informações com a instituição de sua escolha antes da compra do título.

Taxas e Custos da LCI

A taxa de custódia pode ser cobrada ou não pela instituição custodiante, verifique essas taxas entrando em contato com o banco ou corretora que escolher. E assim como a poupança, a LCI é isenta de Imposto de Renda para pessoas físicas.
Para as pessoas jurídicas incide imposto de renda de acordo com a lista abaixo:

  • Até 180 dias: 22,5%
  • De 181 a 360 dias: 20%
  • De 361 a 720 dias: 17,5%
  • Acima de 720 dias: 15%​​

Como investir em LCI?

1. Escolha um Banco ou Corretora

Você precisa escolher um banco ou corretora autorizada a intermediar a compra e venda de LCI. Os bancos normalmente emitem e vendem suas próprias LCI, enquanto as corretoras distribuem LCI de vários bancos e por isso costumam ter taxas maiores para oferecer.

2. Escolha entre as opções de LCI prefixada e LCI pós-fixada

Essa escolha vai depender do que você estudou e entendeu no cenário econômico atual, com uma taxa de juros mais baixa é recomendável uma LCI prefixada e para uma taxa de juros em crescimento uma LCI pós-fixada pode te levar a rendimentos maiores no longo prazo.

3. Invista até o limite de R$ 250 mil

O FGC garante a devolução do dinheiro em caso de “quebra” da instituição para aplicações de até R$ 250 mil por instituição financeira. Caso queria investir mais do que 250 mil reais em LCI, é melhor dividir o dinheiro entre bancos ou corretoras diferentes, assim poderá se beneficiar da garantia do FGC.