Os juros podem ser nossos aliados ou nossos inimigos, depende de que lado você se coloca.

Quando investimentos os juros nos ajudam acelerando a velocidade em que o dinheiro aumento, por outro lado, se você faz alguma dívida os juros serão os seus carrascos e vão cavar cada vez mais fundo o buraco onde se colocou.

Na tabela abaixo está a pesquisa feita pela Anefac sobre os juros praticados pelos bancos atualmente:

Quase todos os bancos diminuíram os juros, com exceção do HSBC que aumentou consideravelmente indo na contramão da economia brasileira, mas mesmo assim não enxergo mudanças reais drásticas para toda essa euforia na busca por imóveis e veículos, principais alvo dos brasileiros no aumento das dívidas de longo prazo.

Ultimamente tenho notado que as concessionárias e lojas de veículos em geral estão com baixíssimo movimento e inclusive algumas de grande nome e tradição estão fechando as portas, será que essas medidas imediatistas e superficiais vão realmente manter as indústrias e a economia aquecidas?

Não parece que estão surtindo efeitos visíveis, o feirão da Caixa tem cada vez mais metas sendo batidas e em alguns canais a programação interessante já inexiste, apenas dominada pelo marketing cansativo das lojas de carros, com promoções idênticas há vários meses.

Nenhuma queda nos preços ou condição que estimule a compra, tendo agora a taxa 0% sendo divulgada para todo lado onde você dá uma entrada de cerca de 60% do veículo e parcela o resto em 24 vezes sendo esses os termos descritos nas letras minúsculas dos comerciais.

De qualquer forma estas práticas de juros continuam muito abusivas e devem ser bem analisadas caso seja necessário o uso de alguma modalidade de crédito, evite agir no impulso das notícias de crédito fácil e juros baixos, pois se tratam de aquisições de dívidas que em curto prazo podem aliviar, mas em médio/longo prazo vão piorar a sua situação financeira.

Para quem interessar o Procon SP faz pesquisas periódicas das taxas e juros praticados no mercado em geral, como por exemplo, juros bancários e cesta básica, entre em contato com o órgão do Procon da sua região para saber mais informações.